Total de visualizações:

sábado, 3 de janeiro de 2015

Brincadeiras aquáticas

Bom dia!!
Lindo sábado para vocês!!!
Muitos já devem estar se deslocando para praias e clubes, mas aqueles que ainda estão de preguiça podem programar um fim de semana bem legal com as crianças!
Se tiverem uma piscina em casa, melhor ainda!
Em piscinas públicas respeitem as regras e não forcem atividades que atrapalhem o lazer dos demais.
Mas se for possível e permitido, é hora de brincadeiras aquáticas!!

BRINCADEIRAS AQUÁTICAS

Marco Polo: antiga brincadeira, mas que sempre agrada a criançada de diversas idades. O intuito é o mesmo do pique pega e cabra-cega, porém com algumas outras regras adaptadas à piscina. O pegador só pode abrir os olhos dentro da água para procurar alguém, do lado de fora ficará de olhos fechados e grita "Marco" enquanto os demais respondem "Polo" e ele será guiado pelo som dos outros participantes.

Polo aquático: o golzinho pode ser feito com qualquer objeto como em uma "pelada"; vale uma cadeira de cada lado, chinelos pra marcar o tamanho do gol, lixeiras, o que tiver à mão. Divide-se um time para cada lado e o objetivo é fazer gol no time adversário. Lembrando que não vale empurrar o amiguinho, afundá-lo, dar rasteira, puxar cabelo,... é sempre bom lembrá-los disso. O ideal para crianças pequenas é que seja realizado dentro de uma piscina rasa, onde eles possam se deslocar com mais facilidade.

"Caça tesouro aquático": consiste em jogar um objeto e a criança ir buscar. Ela pode sair da borda ou do lado de fora da piscina e dar um mergulho. O ideal é que seja um objeto de plástico, não cortante, tipo uma argola. Caso a criança ainda não domine nenhum nado ou esteja de boia, pode-se jogar o objeto à frente, mas que ele seja flutuante, ou seja, que não afunde. Quando tiver mais de uma criança muito cuidado para elas não se machucarem. Marcar tempo individual ou dividir em pequenos grupos, cada um saindo de um ponto pode ser mais adequado.

De preferência para crianças que saibam nadar ou que estejam de boia.

Para crianças mais velhas, porém não curto nem um pouco a ideia de enrolá-los.
Acho que deve ser feita numa piscina onde eles deem pé e aprendam a responsabilidade e o jeito correto de carregar o colega de uma borda a outra. Dependendo da idade, é possível e interessante colocar alguns obstáculos, como bambolês, bolas e flutuadores para dificultar a travessia e fazê-los com que raciocinem juntos a melhor maneira de transportar e atravessar o colega.


Outras atividades também no Portal da Educação:

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Férias & criatividade

As tão sonhadas férias escolares chegaram e os pais entram em total desespero!
Mas não é preciso isto tudo, apenas com organização, planejamento e criatividade é possível entreter os pequenos, até economizando um pouco.
Janeiro é um mês de gastos extras e nada melhor do que dicas sobre agenda cultural gratuita!
E irei tentar informar o quanto eu puder por aqui!!
No mais, mantenha os pequenos sempre hidratados, se for passar longo período no Sol usem toda proteção necessária, como protetor solar, boné, roupas leves, etc.
É importante para que eles possam não sentir tanto a rotina quando voltarem às aulas. Um pouco de ordem sempre é bem vinda. Mas nada também de exageros! Aqueles que já encontram-se nas escolas e creches também precisam de descanso e distração diferenciada em casa (não somente videos e joguinhos eletrônicos, hein?!).
Então boas férias e boa diversão!!!


Dias de chuva/em casa:
Achei incrível esta idéia! Deixe ele escolher e pintar da cor que quiser! Ajudar na confecção ou dependendo da idade, montar sozinho sua própria mesa de Pebolim!
Brincadeira ao fazer e diversão depois de pronto!!!

>> http://www.valeoclique.com.br/mini-mesa-de-pebolim-de-caixa-de-sapato-passo-passo/

Este jogo é ótimo para reunir famílias e amigos! Mas se você não tiver pode fazer suas próprias regras... Tentar por meio de desenhos ou mímica fazer o outro adivinhar o que está tentando fazer.
Vale palavras, frases, expressões, coisas, pessoas, filmes, livros, etc!

Olha que ideia legal pra se trabalhar com os pequenos sobre as expressões humanas e sentimentos!
Com rolinho de papel higiênico!!

oficina manual, ideia genial!
Pulseiras ou cordões com tampinhas de garrafas!
E pode ser usado qualquer tema que os pequenos curtam!!

Ao ar livre:

Caça ao tesouro: acho que todo mundo sabe o que é, né? É uma brincadeira estimulante que nunca cai na chatice. Eles sempre adoram. E quanto mais criativo e com desafios melhor! Dependendo da faixa etária pode-se fazer charadas em envelopes, dicas de onde está escondido o segundo envelope, tarefas a realizar, etc.
Mas se você só tiver um objeto para esconder, tudo bem! Esconda e bora procurar!!!

Precisa de legenda? hehe

Olha como fazer uma bolha de sabão gigante, neste site:
http://subinolimoeiro.blogspot.com.br/2012/07/bolha-de-sabao-gigante.html


Dicas de atividades gratuitas:


CONTOS E ENCANTOS DE NATAL na Fundação Cesgranrio - RJ.
Até dia 4/01! Ainda dá tempo:
Entrada: 1kg de alimento não perecível.
http://cultural.cesgranrio.org.br/contos-e-encantos-de-natal/
Rio Comprido, RJ.

Dica de alimentação:
Não exagerem no gelado, mas se pintar aquela vontade, afinal o calor tá de matar, nada melhor do que bater no liquidificador uma fruta de sua preferência (manga ou limão, abacaxi, maçã) com creme de leite e leite condensado. Depois é só deixar no congelador ou freezer por algumas horas e estará pronta uma deliciosa sobremesa refrescante!! E que dura mais do que um picolé hehe.

Obs.: pode não parecer, mas os pequenos adoram ajudar na cozinha! E nada melhor do que estimulá-los e melhor, encorajá-los para, no futuro, não criar certa aversão. Dependendo da faixa etária, eles podem ajudar em pequenas tarefas e dependendo da receita, podem até fazê-la toda sozinhos!!!

Por hoje é só, mas assim que puder volto com mais sugestão!!!



sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Teia de aranha ou Missão Impossível

Encontrei, há algum tempo na internet, umas sugestões de atividades para crianças de férias em casa... e, claro, que adorei e fiquei pensando em uma forma de usar dentro da sala de aula.
Eram atividades, digamos assim, mais molhadas, lambuzadas, mais difíceis de se elaborar na escola, porém algumas bem simples de se resolver.
E a primeira atividade-teste foi a da Missão Impossível, que minhas crianças assimilaram mais como "teia de aranha".
E o mais legal é que só foi preciso barbante e um pouco de paciência e observação para arrumar uns pontos estratégicos onde pudesse envolver e cruzar o fio de barbante.
Ficou muito legal, as crianças amaram e eu comecei a criar várias atividades dentro de uma só.
Eu iniciei apenas dando o desafio de, uma de cada vez, sair de uma parede até o outro lado, sem poder tocar, encostar no fio de barbante.
Depois eu fui explorando mais os espaços e colocando um pino de boliche, que eles deveriam resgatar.
Em outro momento, eu colocava dentro da teia, um menino e uma menina, e dois pinos, um vermelho e outro azul e cada um teria que conseguir chegar até seu pino sem encostar em nenhum fio e trazê-lo de volta até a mim.
Depois fui explorando mais o espaço e aumentando a teia... fazendo com que ela ficasse mais alta em alguns pontos e mais baixas em outros. Com isso, as crianças eram obrigadas a raciocinar a melhora maneira de como passar pelo fio, se por cima ou por baixo.
Esta atividade rendeu os 50 minutos de aula. E eles não queriam parar de brincar!
Para aqueles que curtem entender as habilidades trabalhadas e os objetivos, seguem alguns:
- Noção espacial;
- Percepção corporal;
- Atenção;
- Concentração.
- Deslocar-se de um ponto ao outro, ultrapassando obstáculos, sem que encoste em nenhum deles, observando os espaços geométricos formados entre as linhas, assim como as formas possíveis de ultrapassar dentro das regras pré-estabelecidas da brincadeira.

esta foto foi retirada hoje do site Portal do Professor,
apenas para ilustrar a atividade.
A minha teia ficou, digamos, bem mais complexa que esta,
com espaço menores e mais parecida com uma teia mesmo.

Fontes:
http://www.buzzfeed.com/mikespohr/33-atividades-abaixo-de-u10-que-manterao-seus-fil#4f8c4el
Foto: http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=18203

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Trabalhando conteúdos de forma lúdica, na Educação Infantil

          Estou há muito tempo sem fazer postagens neste blog, em consequência de muito trabalho e projetos paralelos a minha função principal, de educadora.
                Mas não parei de criar em momento nenhum e muito menos exercitar todas as ideias que elaboro para meus pequenos.
                Nestas últimas semanas trabalhei um pouco de folclore, com brincadeiras, lendas, etc, como é de costume.
                Porém, elaborei duas atividades, fora deste tema, que acho valer a pena compartilhar com vocês. Afinal, eles amaram! E acredito eu, isto que importa!

Em uma ocasião, eu trabalhei com formas geométricas e cores, além do trabalho corporal, de coordenação, agilidade, equilíbrio, etc. meio que "sem querer".
Sabe aqueles dias onde não há quase material, você gostaria de sair do trivial, da zona de conforto do "rola bola", enfim...
Criei em poucos minutos um jogo, onde usei o pouco material que me dispunha - algumas folhas de eva e umas folhas de cartolina. Eu, na verdade, gostaria de fazer apenas com eva, porém não tinham muitas cores na escola, então resolvi misturar o material mesmo.
Eu recortei as folhas da seguinte maneira:
- Metade, em formas geométricas maiores;
- A outra metade, em diversos "cartões", quadrados, para que cada criança ficasse com pelo menos 1 ou mais cartões de cada cor.
imagem retirada do site de vendas M & C

Depois propus a brincadeira:
- Espalhei as formas maiores pelo chão e deixei meus pequenos encostados na parede, cada um com um cartão de uma cor.
Já distribui na intenção de ter pelo menos 2 crianças com a mesma cor.
Ao meu sinal, elas teriam que correr até a forma geométrica maior da cor do cartão a qual estava segurando e colocar o cartão em cima da maior.
Depois fui dando graus de dificuldade...
Mais de um cartão... quem colocasse mais rápido na cor correta era o vencedor.
Depois, os coloquei em filas com 1 cartão de cada cor (era em média umas 7 cores) e marcava o tempo em que cada criança levava para correr até a forma referente ao cartão da vez, até que colocasse todos os cartões em todas as formas e voltasse para a fila.
Acho que o grande barato é embarcar na imaginação da criançada, sem medo de ser feliz! E foi o que eu fiz...
Comecei a relacionar cada cor e forma com um animal... e propus que eles estivessem visitando um zoológico. Com isto, eu estava agregando a memória à brincadeira.
Afinal, elas teriam que colocar o cartão referente à cor e imitar o bicho que estipulamos previamente para cada cor.
Ficou mais ou menos assim:
- Preto - Urubu;
- Marrom - Macaco;
- Branco - Coelho;
- Laranja - Leão;
E por aí vai...
Em um outro dia, eu percebi que eu poderia criar os cartões menores também com as formas diferentes... Por exemplo - cartão em forma de círculo, quadrado, triângulo... e eles teriam que correr e colocar "dentro" (em cima) da forma maior referente à cor e forma geométrica.
Foi muito divertido e as crianças saíram de lá reconhecendo as cores, algumas formas, os sons dos animais e suas posturas características.

imagem retirada do blog de Helen Maciel

*****
Outra proposta que utilizei recentemente que trabalhou também as formas e cores, foi um painel onde eles tentavam acertar o alvo. Nunca vi uma turminha de 5 anos tão concentrada em uma tarefa!
Ciep Henfil

Fonte das imagens:
http://cantinhoinfantil.loja2.com.br/83322-FORMAS-GEOMETRICAS-03-soltas-
http://helenmacieleva.blogspot.com.br/2011/01/formas-geometricas.html

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Ala la ô ôoooo. Mas que calor ô ô ôooo

Retorno pedindo desculpas, logo no início de conversa...
Meu ano (passado) foi confuso, conturbado e bem difícil.
Mas, finalmente, estou retornando aos meus trabalhos, e minha vontade de colaborar ainda mais com esta arte em educar de forma lúdica.
Semana passada começamos na escola e logo de cara escrevemos um projeto para o carnaval, claro! Com a participação de diversos professores de várias áreas.
Dois professores, inclusive, produziram o nosso samba enredo! Uma mistura de desabafo e motivação!
Dizem que o ano só começa no Brasil após o carnaval, mas sabemos que nas escolas começa antes e, de preferência, com muito trabalho sobre o tema e outros que estão por vir.
Então, vamos deixar de blablablá, iskindô iskindô e ´bora pras ideias fresquinhas de começo de ano?
Ótimo ano letivo para vocês!!


MÁSCARAS
*******************************


Sempre bom lembrar que podemos produzir máscaras de diversos materiais, como cartolina, eva, jornal, revista,... e caprichar não apenas com pintura a lápis ou giz de cera, mas podemos utilizar glitter, purpurina, paetê, sobras de ponta de lápis, papel crepom, etc.









Um pouco da história...
O Carnaval de Veneza surge a partir da tradição do século XVI, onde a nobreza se disfarçava para sair e misturar-se com o povo. Desde então as máscaras são o elemento mais importante deste carnaval. Há no entanto registos de folguedos carnavalescos de 1268.
A festa carnavalesca de Veneza tem duração de 10 dias. Durante as noites realizam-se bailes em salões e as companhias conhecidas como compagnie della calza realizam desfiles pela cidade. 

Mascarados do Carnaval de Veneza
Os trajes que se usam são característicos do século XVIII, e são comuns as maschera nobile, ou seja, máscaras nobre, caretas brancas com roupa de seda negra e chapéu de três pontas. Desde 1999 foram sendo somadas outras cores aos trajes, embora as máscaras continuem a ser brancas, prateadas e douradas.
Em 1797, Veneza passou a fazer parte do Reino Lombardo-Véneto, quando Napoleão Bonaparte assinou o tratado de Campo Formio. No que respeita ao Carnaval, os festejos foram proibidos. No ano seguinte os austríacos tomaram conta da cidade.
Os festejos só foram restabelecidos em 1999 de forma oficial, após quase dois séculos de ausência. Desde então a festa faz-se nos dias antes da Quaresma.
fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Carnaval_de_Veneza



quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Dia dos Pais

Pra variar ando meio sem tempo de escrever no blog... mas resolvi dar uma passadinha rápida, para expor algumas ideias de última hora do que fazer no dia e para o dia dos pais, em casa ou amanhã na escola ou creche. 

Crie um mapa e peça pra mamãe esconder o seu presente pro papai procurar pela casa!!

Este cartão pode ser finalizado com a criança e o pai, fazendo bolinhas de papel crepon vermelho e colando no coração.

Que tal aproveitar o mês de Agosto - do Folclore - para confeccionar e brincar junto com o papai de Bilboquê!!

Não precisa fazer as abóboras do Halloween! Mas que tal confeccionar um super herói ou outro animalzinho - foca, pato, gato - ou um outro personagem qualquer e brincar com o papai o dia todo pra ver quem acerta mais bolas??!!

Chaveiro de e.v.a. super fácil!

Um fantoche de super herói pra inventar mil histórias!

Um cofrinho feito de garrafa pet para guardar as economias!

Colorido, divertido e sustentável!!

Olha que legal!!! Confeccionar e brincar!!

Que tal o próprio filho desenhar a carinha do seu super herói? Oops, super pai! :)


quinta-feira, 11 de julho de 2013

Recesso escolar: uma ajudinha básica para as mamães sem criatividade e crianças com muita energia!

Inspirada em umas amigas minhas que já estão se descabelando por conta do recesso escolar e do frio com crianças em casa, resolvi postar umas ideias de atividades para se fazer, estimulando alguma habilidade e assim ajudando no processo de desenvolvimento infantil, além de serem divertidos para as crianças.
Então, vamos direto ao assunto, porque as crianças não estão a fim de esperar mais!!! hehe

BRINCADEIRAS DE CRIANÇA:

Alerta;
Alerta-cor;
Amarelinha

Bambolê;
Bobinho;
Bolinha de gude;
Cabra cega;
Cama-de-gato:


Chicotinho queimado;
Dominó;
Elefantinho Colorido;

Jogo da Memória:
Pode ser feito com fotos, imagens de revistas ou imprimindo imagens da internet que as crianças curtem, como Galinha Pintadinha, Patati Patatá, etc.


Ludo;
Meus pintinhos venham cá;
Passa anel;
Pião;
Piques (cola, esconde...);
Pular corda;
Pular elástico;

Quebra-cabeça:
Pegue uma foto do seu arquivo pessoal ou de revista, cole em uma cartolina, marque e corte as peças, conforme a idade da criança. Exemplo: se ela tiver menos de dois anos, pode cortar em formas geométricas, com poucas peças, até umas 15 mais ou menos. Se a criança for maior, vai aumentando a quantidade e diminuindo o tamanho de cada peça.



Queimado;
Telefone sem fio;
Uno.

TUNEL/MINHOCÃO
Feito de tecido, tnt ou até de saco de lixo é uma brincadeira de crianças de 1 ano, que engatinham até uns 9, 10 anos adoram!!
Uma vez, em uma colônia de férias, eu fiz um minhocão de saco de lixo e bambolê. Não me lembro o tamanho do saco em litros, mas era grande e a "boca" do saco encaixava perfeitamente no bambolê, dando mais firmeza pra entrada da criança. Como estava quente, era verão, eu ainda coloquei água e sabão pra se tornar mais divertido e refrescante. Nem preciso dizer que eles amaram!!
Mas como está frio, não façam isso... abra o lado que fica fechado do saco, com uma tesoura. Se não tiver bambolê, pode deixar sem, mas o ideal seriam duas pessoas pra segurar a entrada e a saída. Algumas crianças maiores não tem medo de o outro lado estar parcialmente fechado, caso não tenha ninguém a mais pra segurar a outra ponta. mas os menores costumam se incomodar com o escuro lá de dentro. Você também pode abrir um buraco, com tesoura, em outro ponto do saco, e colocá-lo para o lado de cima, para que entre mais luz lá dentro do túnel.
Lembrando que o saco preto ficará mais escuro lá dentro, apesar dele ser o mais resistente, mas temos o saco azul, que possivelmente ficará mais claro.
O tamanho provavelmente deve ser grande o suficiente para que passe uma criança. Pode-se colocar aquele tapete de EVA por baixo (fora) do túnel para que não machuque os joelhos de crianças mais afoitas.
Após terminar a brincadeira, guardar o saco de lixo. Não deixar as crianças brincando sozinhas com o saco, hein!!!!

* Colocar um objeto no final do túnel também estimula crianças que fiquem receosas de passar pelo túnel.
Esta simples brincadeira estimula a coordenação motora do movimento natural do engatinhar, o controle motor/muscular, conhecimento corporal e noção espacial.

TRABALHOS MANUAIS

Artesanato sustentável
PULSEIRA de caixa de leite ou pote de iogurte (de 1 l):
cortar a caixa de lete ou o pote de iogurte grande em tiras e cobrir com retalhos de tecido. Usar cola pra finalizar. Pode ser utilizadas fitas, fitilhos, continhas, pedras, etc.


Reciclagem
caixa de papelão

material: linha, botões, tinta relevo,...



Massinha

Ingredientes (para 6 crianças)

• 1 Kg de farinha de trigo;
• 1 pacotinho de pó para suco (laranja/morango/uva/limão);
• 1 colher de (sopa) de sal;
• 200 ml de água.

Preparo

Coloque 200 gr de farinha e a colher de sal em uma bacia. Despeje o pó para suco em um copo com um pouquinho de água e misture com a farinha e o sal, usando as mãos.

Aos poucos, vá acrescentando o restante da água, até conseguir a consistência de massa de pão.


Desenho para pintar


Desenho para cobrir com pedacinhos amassados de papel crepom



trabalho retirado do blog beteeduca:

corte tiras de papel crepom e amasse nas cores da bandeira do Brasil.

Espero ter ajudado um pouco e em breve, postarei outras ideias para serem feitas com as crianças em casa!!! :)

BOM RECESSO A TODOS!!